O dia 13 de Julho é considerado o Dia Mundial do Rock depois de um evento que aconteceu no dia 13 de Julho de 1985, o famoso Festival Live Aid, um evento contra a fome na Etiópia.

Dia Mundial do Rock

O dia 13 de Julho é considerado o Dia Mundial do Rock depois de um evento que aconteceu no dia 13 de Julho de 1985, o famoso Festival Live Aid, um evento contra a fome na Etiópia.



Hoje, dia 13 de julho, é o Dia Mundial do Rock a data é comemorada desde 1985 com a realização do Live Aid festival pelo fim da fome na Etiópia, assim é que o dia 13 de julho ficou conhecido internacionalmente como o dia mundial do rock.

O Live Aid foi um festival que aconteceu simultaneamente na Filadélfia e em Londres e trouxe nomes como Black Sabbath, Status Quo, INXS, Loudness, Mick Jagger, David Bowie, Dire Straits, Queen, Judas Priest, Bob Dylan, Duran Duran, Santana, The Who e Phil Collins entre muitos outros. Aliás, Phil Collins abriu o show nos EUA e na sequência, voou para Londres para fechar o festival.


O Live Aid arrecadou mais de 60 milhões de dólares que foram doados em prol dos famintos na África. Curiosamente, não foi feito nenhum vídeo, CD, DVD sobre o festival até hoje, muito possivelmente pela grande quantidade de artistas envolvidos no evento.

Com esse grande evento o dia 13 e julho ficou conhecido em todo o mundo como o dia internacional do rock, essa data foi muito importante para a humanidade e sem dizer que grandes nomes não só do rock, mas sim como nomes de outros gêneros musicais, os gêneros podiam ser diferentes, mas todos tinham um mesmo objetivo que era ajudar o povo que estava precisando de ajuda promovendo a solidariedade e a esperança.



O Rock no Brasil

No Brasil o rock teve início no final da década de 1950. Neste ano o rock mostrou ganhando a simpatia dos jovens que se identificavam com o estilo rebelde dos cantores e bandas. O pontapé inicial do rock no Brasil foi Nora Ney conhecida cantora de samba-canção quando gravou o considerado primeiro rock, “Rock around the Clock”, de Bill Haley & His Comets (trilha do filme Sementes da Violência).

No cenário brasileiro o grande sucesso do rock brasileiro apareceu na voz de uma cantora. Celly Campello estourou nas rádios com os sucessos Banho de Lua e Estúpido Cupido, no começo da década de 1960. Nesta década, surge a Jovem Guarda e outros cantores com letras româanticas e ritmo acelerado, começa fazer sucesso entre os jovens.

Na década de 1970, surge Raul Seixas e o grupo Secos e Molhados. Na década seguinte, com temas mais urbanos e falando da vida cotidiana, surgem bandas como: Ultraje a Rigor, Legião Urbana, Titãs, Barão Vermelho, Kid Abelha, Engenheiros do Hawaii, Blitz e Os Paralamas do Sucesso.


Na década de 1990, fazem sucesso no cenário do rock nacional : Raimundos, Charlie Brown Jr., Jota Quest, Pato Fu, Skank entre outros.