A busca por uma boa aparência muitas vezes leva as pessoas a se alimentarem de maneira inadequada. Saiba como se alimentar corretamente, antes de ir para academia.

Alimentação Para a Academia

A busca por uma boa aparência muitas vezes leva as pessoas a se alimentarem de maneira inadequada. Saiba como se alimentar corretamente, antes de ir para academia.



Ter o corpo perfeito é o objetivo de muita gente. Todos os dias, milhares de pessoas pelo mundo afora dedicam algumas horas do seu dia na academia em busca de uma estética satisfatória.

A busca por uma boa aparência muitas vezes leva as pessoas a se alimentarem de maneira inadequada, outras ainda simplesmente ignoram o fato de que nosso organismo, quando submetido a esforço constante, precisa de certa regularidade e especificidade nutricional. Além disso, uma boa alimentação está intimamente ligada a bons resultados alcançados com os exercícios físicos.


É preciso encarar o corpo como uma máquina. Não uma máquina infalível e incansável, mas uma que precisa dos combustíveis certos para funcionar de maneira correta e satisfatória. Portanto, se pretende ir para a academia seja  para puxar ferro ou correr um pouco na esteira, é preciso ter certeza de que sua alimentação te ofereceu energia suficiente para tal.

Alimentação Antes da Academia

1) Muitas pessoas acreditam que se exercitar de estômago vazio aumentará a queima de gordura durante o exercício físico. Especialistas, no entanto, refutam tal ideia argumentando que tal prática causa mais dano que benefício ao nosso corpo. O ideal, portanto seria consumir uma refeição leve, composta por carboidratos, para ter o mínimo de energia necessário para que seu corpo realize o trabalho sem comprometer sua reserva de glicogênio e seu sistema imunológico. Além disso, você será capaz de treinar durante mais tempo, ou seja, aquela gordurinha irá sumir, tenha certeza.



2) Sua refeição pré-exercício deve ser equilibrada da seguinte forma: 50 gramas de carboidratos (pão, bolo, etc), 5 a dez gramas de proteínas (ovo, presunto, leite, etc) e 250 gramas de calorias simples (mel, rapadura, etc). Se o exercício que irá praticar demandar grande esforço físico, pode ser necessário implementar aminoácidos à sua dieta, faça isso tomando um pouco mais de leite ou iogurte antes do exercício.

3) Caso sua sessão de exercícios dure mais que noventa minutos, faz-se necessário um consumo adicional de carboidratos. Barras de cereal, sucos de frutas ou rapadura são os mais indicados nestes casos por sua praticidade de consumo.

4) É importante manter-se constantemente hidratado durante os exercícios, por isso faça pequenos intervalos para ingerir bebidas de composição isotônica. Assim você recupera tanto a água quanto os sais perdidos durante o exercício.


5) É importante salientar que, se você está malhando no intuito de adquirir força física, além de uma implementação protéica, faz-se necessária uma implementação calórica na sua alimentação.

6) É preciso estar ciente ao tempo que cada tipo de alimento leva para ser assimilado pelo organismo. Alimentos líquidos devem ser consumidos cerca de quarenta e cinco minutos antes do treinamento, alimentos semissólidos deverão ser consumidos cerca de 90 minutos antes do exercício, já alimentos sólidos devem ser consumidos com pelo menos duas horas de antecedência.