Primeiro filme da carreira de Xuxa, Amor Estranho Amor tornou-se polêmica pelas cenas eróticas que a Rainha dos Baixinhos fez com um garoto de 12 anos.

Amor Estranho Amor

Primeiro filme da carreira de Xuxa, Amor Estranho Amor tornou-se polêmica pelas cenas eróticas que a Rainha dos Baixinhos fez com um garoto de 12 anos.

amor-estranho-amorAmor Estranho Amor, filme lançado em 1982, foi primeiro filme da Xuxa. O filme conta a história de Hugo (Walter Forster – Hugo adulto), um homem que já atingiu sua meia idade, mas que guarda em sua memória uma infância diferente. Por volta de 1937, quando Hugo era garoto (Marcelo Ribeiro – Hugo criança), vai de Santa Catarina para São Paulo, com a sua avó, que o deixa em frente a um bordel de luxo, onde trabalha e mora sua mãe, Anna (Vera Fischer), prostituta e amante de um político paulistano chamado Osmar Passos (Tarcísio Meira). O menino passa então a conviver com esse ambiente, onde estão também outras garotas de programa, como Tamara (Xuxa), uma jovem atraente que leiloa sua falsa virgindade para os frequentadores ricos do bordel. Ela passa então a seduzir Hugo, que inicia ainda jovem sua vida sexual.

Polêmica

Apesar ter sido lançado em 1982, o filme é até hoje motivo de comentários na mídia, a polêmica do filme Amor Estranho Amor existe devido a conhecida Rainha dos Baixinhos, Xuxa, ter protagonizado cenas eróticas com Marcelo Ribeiro, que na época tinha 12 anos.

No contrato do filme não havia liberação para o uso da imagem da apresentadora e atriz, sendo assim Xuxa logo entrou com ordem judicial para recolher todas as fitas originais de lojas e locadoras do país. Apesar disso, cópias piratas estão até hoje no mercado, além de vídeos disponíveis na internet.

O filme Amor Estranho Amor teve sua comercialização e distribuição proibidos no Brasil, porém, em 2005 foi lançado nos Estados Unidos, onde Xuxa não conseguiu adquirir seus direitos da produtora norte-americana. Pois já havia perdido, em 1993, no judicial a tentativa de barrar a distribuição lá.

Em 2011 o produtor Anibal Massaine iniciou uma batalha judicial com Xuxa para tentar comercializar novamente o filme, aproveitando toda a polêmica e fama da artista.

Marcelo Ribeiro fala sobre o Filme

[youtube]Y5gCWaRL5hw[/youtube]

A polêmica voltou a ser manchete em jornais e revistas após o Deputado Pastor Eurico, do PSB de Pernambuco, ter criticado a presença de Xuxa na sessão do congresso que discutiu sobre a Lei da Palmada.

Deputado fala sobre o Filme

[youtube]8J_4ANE2OCk[/youtube]

Cena do Filme

Fotos