Desde 24 de maio, Anthony, de 25 anos, vinha sendo julgada na Flórida pela morte de Caylee. E nesta quinta-feira, foi absolvida pelo júri da acusação de ter assassinado sua filha.

Casey Anthony é Inocentada pela Morte de sua Filha

Desde 24 de maio, Anthony, de 25 anos, vinha sendo julgada na Flórida pela morte de Caylee. E nesta quinta-feira, foi absolvida pelo júri da acusação de ter assassinado sua filha.



Desde 24 de maio, Anthony, de 25 anos, vem sendo julgada pela morte da filha, Caylee, que foi vista viva pela última vez em junho de 2008. Um mês depois, a mãe de Casey, Cindy, ligou para o serviço de emergência (911) para denunciar o desaparecimento da criança.

Após seis meses de busca, a polícia encontrou o corpo da criança em decomposição num bosque perto da casa de Casey, em Orlando, com uma fita adesiva no rosto.


Promotores acusavam a mãe de ter pesquisado na internet como fazer clorofórmio em casa, teria usado o líquido para deixar a criança desacordada e, então, a teria matado usando fita adesiva para tapar sua boca e nariz. Eles pediam a pena de morte pelo crime.

Segundo o advogado de Casey, a criança caiu acidentalmente em uma piscina e a mãe, em pânico, teria acobertado a morte da filha com a ajuda do pai, George Anthony.

Casey Anthony foi inocentada da acusação de crime em primeiro grau pelo assassinato da filha, mas foi considerada culpada em quatro acusações de falsos testemunhos à justiça. Casey pode ser condenada a até quatro anos de prisão -um para cada uma das acusações de ter fornecido informações falsas à justiça.