O crime cometido pelo ex-jogador Edmundo foi arquivado pela justiça do Rio de Janeiro

Edmundo é “absolvido”

O crime cometido pelo ex-jogador Edmundo foi arquivado pela justiça do Rio de Janeiro



Edmundo é absolvido

O ex-jogador e comentarista da TV Band, Edmundo, de 40 anos, foi “absolvido” pelo acidente de carro que matou 3 pessoas em 1995, no Rio de Janeiro. O processo que julgava o caso foi extinto pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF),  Joaquim Barbosa. Na decisão do dia 9 de setembro, mas divulgada no Diário da Justiça Eletrônico apenas nesta quarta-feira (14), o ministro declarou o crime como prescrito.

O acidente aconteceu depois que o ex-jogador saiu de uma boate, na noite do dia 2 de dezembro de 1995. Em 1999, o acusado foi julgado e acusado por homicídio culposo e lesão corporal, com a pena de quatro anos e seis meses de prisão, em regime semiaberto, mas respondeu em liberdade.


Na decisão do ministro Barbosa, a alegação foi a de que o prazo de prescrição para o crime era de oito anos. “Ao proceder ao exame dos autos, constato que já transcorreram oito anos entre a última causa interruptiva – qual seja a publicação da sentença condenatória recorrível – e a data de hoje”, afirmou.

Em junho deste ano, Edmundo chegou a ser preso em um flat, no Itaim Bibi, região oeste de São Paulo. O acusado foi levado à 3ª Delegacia Secional Oeste, em Pinheiros. Ele passou mais de 12 horas preso em uma sela de seis metros quadrados, sem colchão e janela. No final do dia, foi liberado graças ao benefício do habeas corpus. Quem decretou a prisão do comentarista e ex-jogador, foi o juiz da Vara de Execuções Penais (VEP), do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ), Eduardo Carvalho de Figueiredo.



A liberdade foi concedida pela desembargadora da 6ª Câmara Criminal do TJ-RJ, Rosita Maria de Oliveira. “O ministro reconheceu a prescrição e extinguiu a punibilidade, agora o processo acabou finalmente. Acabou não tem mais o que fazer, o processo vai para o arquivo”, afirmou Arthur Lavigne Júnior, advogado de Edmundo.