Lhasa Apso - Como cuidar, Dicas e Fotos

Uma raça de cão dócil, alegre e bastante bonita, o Lhasa Apso é realmente ótimo, e excelente para viver em locais pequenos como apartamentos.

Atualizado em

Lhasa Apso

Um cachorro é mais do que apenas um animal de estimação, é um companheiro inseparável, que independente das condições sempre está ao seu lado. São várias as raças de cães existentes no Brasil, a grande maioria não é originalmente daqui, mas com o tempo se adaptou ao nosso clima.

Existem raças pequenas, raças grandes, raças espaçosas, raças que podem viver em locais pequenos, uns mais carentes, que latem mais, ou outros mais calmos, enfim, cada um tem uma personalidade e características distintas. Isso deve ser levado em consideração ao optar por um cachorro, se você mora em casa ou em apartamento, se você vai deixá-lo muito tempo sozinho.

Lhasa Apso

Lhasa apso é uma raça pequena, são cachorros que tiveram origem na região chinesa do Tibet, por volta de 1500. Recebeu esse nome devido a capital Lhassa, e o complemento apso (que siginifica "ovelha"). Esse tipo de cão é ideal para o conviveu com crianças e em locais pequenos, é uma raça muito dócil e alegre.

Como cuidar

Por ser um cão com muitos pelos, o Lhasa Apso merece muitos cuidados com sua higiene. Os pelos devem ser escovados duas vezes por semana, e a cada 15 dias uma tosa higiênica e um banho são bons. Tenha cuidado também com a limpeza diária de urina e fezes do cão, para que não entrem em contato com a pelagem do animal, isso pode desenvolver bactérias e fungos.

Dicas

Caso você mesmo for dar banho, antes de molhar o cão, desembarace os nós do pelo, pois depois de molhado isso fica mais difícil de ser feito.

Por ser um cachorro tranquilo, o Lhasa Apso deve ter um ambiente calma para viver, evitando assim que ele se estresse.

Doenças Comuns

Devido as suas características, os cães da raça Lhasa Apso possuem algumas doenças comuns. Como as dermatites, deus pelos longos atraem pulgas e bactérias. Quando isso ocorre, aparecem manchas vermelhas na pele, com ausência de pelo ou ainda presença de feridas, o importante é levar ao veterinário, para que sejam realizado o tratamento correto.

Outro cuidado é com os pelos caindo sobre os olhos, isso pode causar conjuntivite e atrofia da retina. Para evitar esses tipos de doenças, é extremamente importante que a higiene do cão esteja sempre boa.

Fotos