Para tentar deixar o processo de correção das redações do Enem melhor e mais claro, a partir desse ano o vestibular vai ter novas regras de correção.

Novas Regras da Redação do Enem 2012

Para tentar deixar o processo de correção das redações do Enem melhor e mais claro, a partir desse ano o vestibular vai ter novas regras de correção.



O Exame Nacional do Ensino Médio, ENEM, é considerado o maior vestibular do país, e disponibiliza vagas em instituições de ensino de todo o Brasil. São avaliados conhecimentos de todas as disciplinas aprendidas durante o ensino médio, dentre esses está a Redação. Onde o candidato deve mostrar seus conhecimentos em produção de texto.

Esse é considerado um dos pontos mais difíceis da prova, como também um dos mais polêmicos, são muitos os processos para novas correções, anulações de notas, entre outros motivos, e para tentar deixar o processo mais claro e correto, o Ministério da Educação anunciou novas regras de correção da redação do Enem 2012.


Nova Regra de Correção

Pelas novas regras, a correção de cada redação será feita por dois corretores independentes, caso as notas dadas pelos dois tenham uma diferença de até 200 pontos, é feita a média, somando as duas notas e dividindo por dois. Se a diferença ultrapassar 200 pontos, um terceiro corretor efetuará uma correção, e caso a diferença continue em mais de 200 pontos, uma nova banca de correção será feita, com três outros corretores.

Toda correção é baseada em cinco quesitos a serem avaliados, cada um valendo até 200 pontos, e somando no máximo 1000 pontos, são eles:



  • Domínio da norma padrão da língua portuguesa
  • Compreensão da proposta de redação
  • Seleção e organização das informações
  • Demonstração de conhecimento da língua necessária para argumentação do texto
  • Elaboração de uma proposta de solução para os problemas abordados, respeitando os valores e considerando as diversidades socioculturais