Planos de saúde sofreram com paralisação

Paralisação dos Planos de Saúde

Planos de saúde sofreram com paralisação



Planos de Saúde

A paralisação do atendimento dos planos de saúde brasileiros pode atingir 23 Estados e o Distrito Federal. Essa informação foi passada pela AMB (Associação Médica Brasileira), que também confirmou que 70% dos médicos podem aderir à causa.

Florentino Cardoso, presidente da AMB, a adesão dos médicos é alta. Tudo vai depender das comissões estaduais, responsáveis pelos honorários médicos. Cerca de 160 mil médicos trabalham no setor da saúde suplementar, que engloba 46,6 milhões de profissionais em todo o Brasil.


Os médicos protestam contra parte dos planos de saúde que não repassam e nem negociam os reajustes feitos.  Além disso, os profissionais da medicina também pedem o fim da interferência dos planos nos atos proferidos pelos médicos.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, recebeu  nesta quarta-feira uma carta com reivindicações. O assunto chegou às entidades médicas e foi abordado por deputados e senadores.



Veja uma tabela divulgada pelo Conselho Federal de Medicina com a relação dos planos de saúde que serão afetados:

PLANOS ATINGIDOS PELA PARALISAÇÃO DOS MÉDICOS

Estado Planos de Saúde não atendidos
Acre Assefaz, Caixa Econômica, Capesesp, Casf, Cassi, Conab, Correios, Eletronorte, Embrapa, Fassincra, Geap, Plan Assiste, Sesi/DR/AC, Unimed
Alagoas Amil, Hapvida, Smile, Unimed
Amapá Amil, Assefaz, Caixa Econômica, Capesaúde, Cassi, Correios, Eletronorte, Embrapa, Embratel, Fassincra, Geap, Plan Assiste, SulAmérica
Amazonas
Bahia Amil, Cassi, Geap, Golden Cross, Hapvida, Life Empresarial, Medial, Norclínicas/Intermédica, Petrobrás, Promédica
Ceará TODAS AS OPERADORAS
Distrito Federal Amil, Bradesco, Golden Cross e SulAmérica
Espírito Santo TODAS AS OPERADORAS
Goiás Geap, Golden Cross, Imas, Itaú, Mediservice, SulAmérica
Maranhão TODAS AS OPERADORAS
Mato Grosso TODAS AS OPERADORAS
Mato Grosso do Sul TODAS AS OPERADORAS
Minas Gerais TODAS AS OPERADORAS
Pará Cassi, Ipamb, Iasep, Geap, Grupo Lider, Hapvida, Hospitais Militares (Policia Militar, Naval e Exército)
Paraíba Geap, Amil, Smile, HapVida, Saúde Excelsior, Sulamérica
Paraná TODAS AS OPERADORAS
Pernambuco América Saúde, Golden Cross, Hapvida/Santa Clara, Ideal Saúde, Real Saúde, Samaritano Viva
Piauí CapeSaúde, Cassi, Correio Saúde, Geap,Saúde Caixa, Uniplam
Rio de Janeiro TODAS AS OPERADORAS
Rio Grande do Norte
Rio Grande do Sul Afivesc, Assefaz, Bacen, Bradesco, Cabergs, Caixa, Canoasprev/Fassem, Capesesp, Casembra, Casf, Cassi, Centro Clínico Gaúcho, Conab, Doctor Clin, ECT, Eletrosul/Elos, Embratel, Fassincra, Geap, Golden Cross , Infraero, IRB, Petrobras, Petrobras Distribuidora, Plan Assiste, Proasa, Pró-Salute, Sameisa, Serpro, Sesef, SulAmérica , Unafisco, Usiminas, Wal-Mart
Rondônia Ameron, Bradesco, SulAmérica, Unimed,
Roraima
Santa Catarina TODAS as operadoras, com exceção das seguintes: Assefaz, Capesesp, Cassi, Celos, Conab, Cooperativas Médicas, Correios Saúde, Eletrosul, Elos Saúde, Embratel, Fassincra, Funservir, Saúde Caixa
São Paulo Ameplan, Blue Life, Dix Amico, Geap, Golden Cross, Green Line, Intermédica, Medial, Notre Dame, Prosaúde, Volkswagen
Sergipe TODAS as operadoras, com exceção das seguintes: Assec/Cehop, Assefaz, Cagipe, Camed, Capesesp, Casec, Casembrapa, Casse, Cassi, Cassind, ECT, Embratel, Fachesf, Fassincra, Pasa, Petrobras Distribuidora, Petrobras, Plan Assiste, Proasa, Saúde Caixa, Sesef
Tocantins TODAS AS OPERADORAS
  • Fonte: Conselho Federal de Medicina