Uma ferramenta disponibilizada pelo Sistema Operacional Windows de grande utilidade para o usuário de computadores pessoais, os famosos PC’s, são os pontos de Restauração, entre e entenda melhor sobre do que se trata esse ponto através de um exemplo detalhado de ponto de restauração no Windows 7.

Ponto de Restauração – Windows 7

Uma ferramenta disponibilizada pelo Sistema Operacional Windows de grande utilidade para o usuário de computadores pessoais, os famosos PC’s, são os pontos de Restauração, entre e entenda melhor sobre do que se trata esse ponto através de um exemplo detalhado de ponto de restauração no Windows 7.



Com o passar do tempo e o uso contínuo do computador, executamos através deste, diversas operações, centenas e até milhares delas, operações como instalação, remoção de programas, tudo isso influindo sobre o sistema operacional (SO). Tais alterações continuadas feitos por nós, usuários, podem ocasionar em falhas, podendo gerar até problemas mais sérios ao Windows.

Após algum tempo de instalado, alguns aplicativos que antes funcionavam em perfeita sincronia e sem nenhum tipo de problema, começam a apresentar erros em determinadas funções e em casos extremos deixam até de funcionar. E ainda existem situações em que o Windows começa a apresentar comportamentos estranhos, causados por fatores como falhas inexplicadas, vírus ou até atualizações feitas de modo errado. Quando coisas desses tipos ocorrem ao seu computador, somos quase obrigados a pensar, “bem que esse computador poderia estar como antes”, e é justamente em resposta a esse pensamento que a Restauração do Sistema (ferramenta do Windows) entra em cena.


Funcionamento

O ponto de Restauração de um Sistema, nome que é dado ao ato de criarmos um ponto de retorno dentro da Restauração do Sistema, citada no parágrafo anterior. Ao executarmos essa ação, estamos “dizendo” ao computador para que ele faça uma memorização (guarde seus valores em forma de dados) de todas as configurações que estão ligadas ao funcionamento do computador, comumente ocorrendo no Registro do Windows.

Ao fazermos isso, temos em mãos a segurança e a opção de poder voltar atrás (como se estivesse voltando no tempo dentro da máquina) ao momento que algum aplicativo danoso ao sistema operacional do PC, foi instalado.



A crianção de um ponto de Restauração no Windows 7, tomado como base, pode parecer complicado, mas é extremamente simples e rápido, basta seguir com atenção os seguintes passos:

1º Passo – Criar o Ponto de Restauração

1 –   Primeiramente você vai clicar no botão Iniciar e digitar, como mostrado abaixo, “Criar ponto”, na lacuna de pesquisa para encontrar a função, como indicado na figura;

 

2 –   Agora você deverá selecionar, clicando, na função Criar, que está localizada na parte inferior, logo abaixo de configurar;


 

3 –    É necessário e aconselhável que você digite um nome para identificar o seu ponto em um futuro, evitando assim posterior engano ou esquecimento.

 

4 –    Pronto. Agora clique em Criar e aguarde o final do processo. Após o término o seu ponto estará criado;

2º Passo – Restaurar o Sistema

1 –   Agora, para prosseguir com a restauração, você deve abrir novamente o Menu Iniciar e digitar “Restauração” para encontrar o processo desejado.

2 –   O computador lhe da a opção de “Restauração Recomendada”, e caso essa opção não seja a que você criou, selecione a opção  “Escolher um outro ponto de restauração”, como mostrado abaixo;

3 –   Escolha o Ponto de Sua preferência para determinada ocasião e necessidade e clique em Avançar;

4 –   Você deve salvar seus arquivos importantes e após ter certeza de que está tudo apto e pronto para continuar, você irá clicar em “Concluir”, sendo então, iniciado o processo de Restauração.

Vídeo

Para melhor fixação e facilidade de execução do processo de restauração, abaixo segue um vídeo que ilustra melhor os procedimentos citados acima.

[youtube]uWXH2y8YeJM[/youtube]