A nova aposta da Medicina, é a vacina contra a Dengue, desenvolvida em parceria pelo Instituto Butantan e o Centro de Pesquisas Clínicas do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina. A vacina já está pronta para testes e agora no mês de Abril será aplicada em humanos voluntários.

Vacina contra Dengue

A nova aposta da Medicina, é a vacina contra a Dengue, desenvolvida em parceria pelo Instituto Butantan e o Centro de Pesquisas Clínicas do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina. A vacina já está pronta para testes e agora no mês de Abril será aplicada em humanos voluntários.



A Vacina contra a Dengue terá seus ensaios clínicos iniciados até o mês de junho deste mesmo ano. O projeto da vacina surgiu de uma parceria entre o Instituto Butantan e o Centro de Pesquisas Clínicas do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina.

No estudo em questão, estão fazendo a avaliação de segurança e de imunogenicidade da vacina tetravalente, sua eficácia de proteção abrange os quatro tipos de vírus da doença, e a expectativa para a vacina é que ela realize a proteção do ser humano com apenas uma dose. Segundo estimativas dos estudiosos, a disponibilização da vacina para a população em geral será feita daqui a três anos.


A partir do mês de abriu irá se iniciar o processo de testes clínicos em humanos da vacina, onde voluntários com idade entre 18 e 50 anos pode ser recrutados.Para os testes clínicos serão utilizados 300 voluntários, entre 18 e 50 anos de idade, a serem recrutados a partir de abril. No primeiro ano da análise são coletados os resultados de segurança e de imunogenicidade, entretanto os voluntários serão acompanhados por um prazo de cinco anos após terem recebido a vacina.

Segundo o diretor Médico do Instituo Butantan, Alexander Precioso,



Esse é um passo muito importante para a saúde pública e para a ciência, representando um avanço significativo na prevenção da dengue.

Ele ainda afirma que a vacina já se mostrou segura e imunogênica em estudos anteriores sendo esperado que obtenham igual sucesso nesta nova etapa da vacina.